quinta-feira, outubro 28, 2004

Liberdade

Aqui nesta praia onde
Não há nenhum vestígio de impureza,
Aqui onde há somente
Ondas tombando ininterruptamente,
Puro espaço e lúcida unidade,
Aqui o tempo apaixonadamente
Encontra a própria liberdade

in Mar
Sophia de Mello Breyner Andresen

2 comentários:

Isabel Magalhães disse...

Obrigada, Magda, por nos teres dado Sophia!

Gui disse...

Obrigado, Magda :-)

Conheço bem essa compilação dos poemas de Sophia sobre o mar.
Sophia escreve poemas de poucas palavras, mas de grande conteúdo.

Esta vai sendo a nossa praia!

bjs :-)